Participantes do Projeto Empreendedor do Futuro Recebem Premiação

Data da publicação 27/11/2014



A cerimônia de premiação do Concurso de Modelo de Negócio denominado “Empreendedor do Futuro”, realizada dia 27 de novembro na sede da Incubadora de Empresas de Lins, premiou os quatro trabalhos com  melhor pontuação.

 

Antecedendo a premiação foi ministrada a palestra “Inove, Teste, Aprenda e Escale”, com Ariel Costa, cofundador do movimento startups de São José do Rio Preto.

 

Ariel Costa Cofundador do Movimento de Startup de São José do Rio Preto

 

O prefeito Edgar participou do evento e declarou estar contente com o resultado. “É uma iniciativa empreendedora de resultado; é assim que a gente prospera. Acreditamos no grande potencial da nossa cidade, nas pessoas que aqui residem e na inteligência centralizada na ADETEC”, valorizou.

 

“E deixo uma mensagem aos presentes: acredito em dois tipos de pessoas: as que fazem e as que dizem que fazem. Sigam como exemplo das que fazem”, incentivou.

 

André Fassa, presidente da ADETEC, agradeceu a equipe, professores, parceiros e valorizou o resultado. Dos 21 projetos inscritos temos 7 considerados viáveis para o mercado. “Após avaliação eles poderão integrar o programa Hotel de Projetos, com possibilidades de formalizar um bom negócio”, validou.

Na cerimônia os sete melhores pontuados receberam certificados de participação e os quatro primeiros foram premiados: 1º Colocado – notebook; 2º colocado – Tablet; 3º e 4º colocados – smartphones. E o direito de inclusão no programa de pré-Incubação (Hotel de Projeto) subsidiado pela ADETEC para desenvolver suas habilidades empreendedoras. A formação inclui cursos, consultorias e o "networking” (rede de contato) para solidificar a base do seu projeto empreendedor. O prazo de elaboração é de seis meses, com orientação passo a passo - formação teórica e pratica.

Os professores orientadores dos quatro grupos melhores classificados também foram premiados com um Tablet cada.

Alessandra Roberta Ferreira Sena, aluna do curso de Marketing da Unilins, conquistou o primeiro lugar pela qualidade e organização do seu Modelo de Negócio – Adesivos de Unhas.

Acreditou na prática artesanal e de custo muito baixo para decorar unhas com a película interna da Caixa de Leite (Tetra Pak), tinta para tecido e esmalte (base).

 

Pretende conquistar uma base móvel de venda, um trailer personalizado para comercializar e aplicar os adesivos. Um sonho próximo de se transformar em realidade, já que os próximos passos serão acompanhados por profissionais que também acreditam no potencial de vendas do produto.

 

Segundo Alessandra, é um projeto simples que facilita a vida da mulher para embelezar sua unha. “Esse processo não é novidade, mas é uma paixão que faço como hobby. Nem eu acreditei tanto no projeto, de tão simples que é. Fui incentivada pelo meu orientador e agora quero levar a minha paixão para frente e empreender”, falou emocionada.

 

 

O segundo melhor classificado é o projeto Math Gears - Games, Realidade Aumentada e Educação Matemática (Jogos educacionais para o ensino da matemática) dos alunos Juliel Bronzati Dourado, Jhonatan Souza Da Silva, Fernando José Melo Silva e Alan Brito dos Santos – do curso de Eletrônica Digital - Fatec Lins.

 

 

 

Produto para usuários da internet, com jogos desenvolvidos para dispositivos móveis. Destinado aos estudantes no nível de aprendizagem do final do ensino fundamental ou médio, que podem utilizar os jogos para expandir e aperfeiçoar seus conhecimentos matemáticos de maneira agradável e prazerosa.

 

Útil a professores (autônomos ou de instituições públicas ou privadas) poderão utilizá-los para uma abordagem diferenciada a diversos tópicos da disciplina de matemática ou para propor atividades mais estimulantes e de fácil compreensão.

 

Segundo os alunos, os jogos possuirão recursos inovadores de realidade aumentada para provocar interesse do jogador pelo conteúdo educacional proposto.

 

Thiago Seti Patrício, da FATEC, conquistou o terceiro lugar com o software: Mineração de conhecimento para empresa. O produto oferece uma interface web com o objetivo de minerar de regras de associação, como recurso para suporte ao processo de tomada de decisões. Produto destinado a pesquisadores acadêmicos e administradores de empresas.

 

 

Robson José Peres Passos e Eduardo Ventura Santana, do Unisalesiano, ficaram em quarto lugar com o projeto “DNA Orgânico – Consultoria Agrária”, destinado a contribuir para o incremento das técnicas de produção, melhoria de processos e maior volume de vendas de produtos de agronegócio.

 

 

 

O Projeto Empreendedor do Futuro é organizado pela ADETEC e pela FATEC Lins, com o objetivo de realizar o concurso para alunos das Instituições de Ensino Superior, Técnico e Profissionalizante, em Lins e região. O público alvo atinge aproximadamente 15.000 alunos.

 

A proposta visa fomentar o espírito empreendedor em jovens e profissionais e despertar novas vocações.

Marcelo Gomes

Formado em Jornalismo e Comunicação Social. Atualmente presta serviços à Incubadora de Empresas.

ADETEC - Agência de Desenvolvimento Econômico e Tecnológico - Rua Floriano Peixoto, 1093, Centro - CEP 16400 101